top of page

Lídia Jorge e "Misericórdia" ganham Prémio Urbano Tavares Rodrigues


Misericórdia é um dos livros mais premiados da atualidade e um desses prémios é o Urbano Tavares Rodrigues, instituído pela FENPROF, em parceria com a SABSEG SEGUROS.


Misericórdia conta o dia a dia no Hotel Paraíso, fazendo-nos lembrar o quotidiano das nossas Dona Alberti, cada uma com as suas estórias, quantas delas imbuídas de desejos nem sempre tornados realidade, mas que continuam a preencher os sonhos, os bons e os maus.


Misericórdia é o livro que muitos gostariam de escrever, mas só a arte de Lídia Jorge o permitiu. Como professora que continua a ser, Lídia Jorge venceu o Prémio Literário Urbano Tavares Rodrigues, cuja divulgação foi feita em 5 de outubro, Dia Mundial do Professor. Será agora, em 6 de dezembro, pelas 15:00 horas, na FENPROF, atribuído o prémio à vencedora.

Estarão presentes, para além de Lídia Jorge, que falará sobre esta obra, Paulo Sucena, que fará a apresentação e o elogio da mesma. Paulo Sucena presidiu ao júri que integrou José Manuel Mendes, Presidente da Associação Portuguesa de Escritores, e Paula Mendes Coelho, docente universitária e escritora.


Para além da premiada e do júri, também marcarão presença representantes das entidades promotoras deste prémio – FENPROF e SABSEG SEGUROS. O Prémio Literário Urbano Tavares Rodrigues é atribuído desde 2013 e alterna com o António Gedeão, de poesia, cuja primeira edição foi em 2012.


Nomes importantíssimos da literatura portuguesa têm vencido este prémio, sendo Lídia Jorge a primeira a vencer por duas vezes. Em 2015 já tinha sido premiada com o livro Os Memoráveis.


A atribuição deste prémio vai decorrer em sessão que decorrerá na sede da FENPROF (Auditório do SPGL, na Rua Fialho de Almeida), amanhã, 6 de dezembro, pelas 15:00 horas.

Lisboa, 5 de dezembro de 2023

O Secretariado Nacional da FENPROF

A SABSEG SEGUROS

bottom of page